quarta-feira, 11 de abril de 2012

Acidez do dia - O Teatro Mágico

De verdade: alguém gosta mesmo dessa banda? 
Adoro uma frase atribuída ao Paulo Francis, quando perguntado se já tinha lido, à época, o novo livro do Paulo Coelho: "Não li e não gostei"!
Não sou tão radical, apesar de que sou favorável a que qualquer pessoa emita qualquer opinião, mesmo se não leu, não ouviu, não viu nada! O importante é falar! 
Para não ser um Paulo Francis (e nem tenho pretensão de sê-lo, quisera eu), fui na página d'O Teatro Mágico no Facebook e baixei o novo disco deles, "A Sociedade do Espetáculo". Já tinha uma pré-opinião formada a respeito dessa banda, mais um cabide de emprego do que qualquer outra coisa. Para mim, uma banda que tem mais do que cinco membros vira repartição pública: tem um chefe, uma secretária e um monte de orelha-seca que só faz número e não produz nada! Móveis Coloniais de Acajú que o diga (outra porcaria, mas essa banda será tema de uma acidez futura)!
Voltando a'O Teatro Mágico, essa banda dá azia até em um caminhão cheio de Sonrisal, como diria minha cunhada! Antes de mais nada: os músicos são ótimos! Pela execução das músicas, vê-se muita qualidade nos instrumentistas. O problema reside essencialmente nas músicas: são horrorosas. Esqueceram de avisar aos compositores (Daniel Santiago, Fernando Anitelli e Gustavo Anitelli, na maioria das faixas) que o jeito "Humberto Gessinger" de escrever letras já está ultrapassado, amigos! Coisas do tipo "Amanhecerá/de novo em nós/Amanhã... será?", na faixa "Amanhã...será?", pelo amor, né amigos? Poesia barata de ensino médio! Nas minhas aulas de redação, isso mereceria um zero e uma ida à coordenação! Entenderam o trocaralho do cadilho, hein, hein? Boa, garoto! Nenhuma faixa escapa desse artifício de composição barato! A faixa "Da entrega", então... misericórdia! Uma mistura de Jorge Vercilo com pitadas de Dave Matthews com preguiça de compor e um andamento que você não consegue acompanhar nem bater o pé! Empolgante! Queria que essa música fosse a música do meu primeiro exame de próstata! 
Mas o pior não são as músicas! O pior é o show deles - que tem essas músicas sendo tocadas ao vivo, POR ELES TODOS PINTADOS, igual palhaços, "clowns"! Ah, fala sério! Haja Estomazil! Assisti a um show deles em São Paulo, em 2007, para nunca mais! Se você parar num sinal de trânsito aqui em Brasília, daqueles em que os malabares fazem suas apresentações em troca de uns trocados, você terá uma noção do que é o show d'O Teatro Mágico! Só faltarão as músicas insuportáveis! É tão empolgante quanto uma mousse de chuchu! Eles precisam tanto das pinturas porque se tocarem sem elas, o povo foge! É uma espécie de Kiss da música brasileira: tira a tinta, acaba a banda! Virarão um cover deles mesmos! Eles são pretensiosos, pseudo-inovadores no som e na apresentação, mas o que eles fazem não é nada de novo, muito pelo contrário: Secos e Molhados já faziam isso, COM MUITO MAIS QUALIDADE, há 40 anos! E SÓ COM TRÊS INTEGRANTES! E com Ney Matogrosso cantando. Haja feijão com arroz, Fernando Anitelli! 
Confira o que eu estou falando: eles vão tocar na Calourada do dia 28 de abril, aqui em Brasília. Mas vá por sua conta e risco! Show deles é sinônimo de encontrar playboyzinhos e patricinhas pseudo-amebas-intelectuais-formadores de opinião que preferem em ouvir isso a buscar poesia e música de qualidade! Os corredores da UnB estão lotados desse tipo de gente! Verdadeiros viúvos e viúvas de Marcelo "Bleargh" Camelo e cia. (aguarde sua vez, Los Hermanos)! Nem com um caminhão de Sonrisal, eu aguento uma porcaria dessas! 

6 comentários:

Tiago Palma disse...

Hahahaha Tenha medo... Só gostaria de reiterar minha amizade, viu? Só pra ter certeza que tá tudo certo... Nunca fui muito fã, mas tem coisas bacanas nessa galera. Afinal, o próprio Dve convidou eles pra abrir o show dele no RJ. Não é brincadeira... :)

Continue colocando sua azia pra fora! É no mínimo um bom entretenimento! :)

Luísa Figueiredo disse...

Show! Bom saber que não estou sozinha no mundo! Compartilho da sua opnião ;)
Beijo, Dan!

Augusto Figueiredo disse...

Sugestão de banda pra falar mal: "A Banda Mais Bonita da Cidade". Dafuq is that?

Anônimo disse...

Amei o blog!!!! Vou te apresentar meu gosto ecletico musical e esperar voce criticar!! De quebra, te mando uns cds das "bandas" aqui de Fortaleza!!!! Essas sim sao boas!!! Kkkkkk!!!! Bbjo e boa sorte!!! Isabella.

Maurício Costa disse...

Rapaz, muito bom! Odeio gente que acha que sabe o que está falando! Que se foda! Tenho paciência para isso não...

Sobre o Los Hermanos eu gosto sim do CD Ventura e do primeiro de algumas músicas, mas o resto é aquela coisa chata de rosa do caralho a quatro... Nãããm...

Gostei, Dan!

Anônimo disse...

banda chata, pretensiosa, e com letras q qualquer aluno de 4ª série faria melhor, é o horror esse kiss do paraguai!